Um Sonho de Liberdade

Intitulado “Um sonho de liberdade” (1994), o filme é uma das obras mais tocantes sobre a amizade e a força do espírito humano.

O longa é baseado em um conto do famoso escritor Stephen King, ambientado nos anos 40, onde um jovem banqueiro é acusado injustamente de um crime que não cometeu, condenado a passar o resto de sua vida no presídio Shawshank, que ilustra o título original do filme “The Shawshank Redemption”.

Clique na imagem para continuar lendo!

O diretor Frank Darabont sempre mostrou-se um grande fã das obras do autor, sua admiração é tão grande que ele desenvolveu o roteiro em parceria com o próprio King, para que a essência da adaptação não se perdesse ao longo da produção. Decisão acertada em cheio, pois o filme é uma obra prima moderna da sétima arte.

Além da elegante direção de Darabont e do sensível roteiro de King, os grandes destaques são as atuações de Tim Robbins e Morgan Freeman, ao concederem uma interpretação verdadeira e ao mesmo tempo enigmática sobre seus personagens, o espectador nunca fica cansado ao ver os dois em ação, e sempre imagina o que eles poderão fazer em seguida.

A parceria entre escritor e diretor cresceu durante o tempo, eles realizaram juntos grandes filmes como “À espera de um milagre” e “O nevoeiro”. Atualmente Frank Darabont é produtor da série “The Walking Dead”(o melhor episódio da série [na minha humilde opinião] é o primeiro, que o próprio Darabont dirige) e Stephen King continua com suas obras literárias e algumas rápidas aparições em filmes e séries de TV.

É uma boa época para rever este clássico moderno, para rever o começo de uma feliz parceria entre os dois grandes nomes envolvidos, para rever uma história aparentemente simples, mas que nos toca pela beleza e sensibilidade, através do olhar de seus realizadores.

Em determinado momento da projeção, um personagem comenta que você pode se esforçar para viver ou para morrer, “Um Sonho De Liberdade” aparentemente escolheu a primeira opção, pois é lembrado como uma das principais obras do cinema, e pelo visto, irá viver por muitos anos na memória de muitas pessoas.

Neste meu segundo post para o site, resolvi falar sobre um filme que é muito querido por mim e que eu havia revisto poucos dias atrás, então me senti na obrigação de escrever (ou pelo menos tentar) uma homenagem aos dois principais realizadores desta obra. Se você é fã do bom cinema mas não se convenceu pelas minhas palavras, peço para que procure o filme em qualquer lugar, pois serão 142 minutos inesquecíveis.

Link para o IMdB
Link para o trailer o filme

Anúncios

6 pensamentos sobre “Um Sonho de Liberdade

  1. Eu simplesmente amo essa obra. Um dos melhores filmes que já vi até hoje. Não tem como não se fascinar com a amizade dos dois protagonistas. É algo belíssimo de se ver. Realmente uma obra dotada de grande sensibilidade.

    Ótimo texto, relativamente curto mas que soube descrever tão bem esse filme maravilhoso.

    Curtir

  2. Um dos melhores filme que já vi até hoje, me fez muito bem na epoca que vi ele pela primeira vez, fiquei pensando por dias nas situações que a vida pode nos trazer…Muito bom pra refletir sobre nós mesmos. Uma lição de como transformar um limão azedo numa boa limonada e reclamar menos de barriga cheia!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s